quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Verdão cai “Manso” em Quito

                                                                                                    Fonte: Terra esportes

Todos nós sabíamos que esse dia iria chegar, mas não da forma deplorável que veio.

O Palmeiras foi a Quito, quase uma semana antes do jogo, para poder se ajustar melhor ao clima da partida e a altitude. Mas para fazer o que fez no jogo, era melhor ter ido no dia mesmo.

O Palmeiras estava irreconhecível, na verdade estava apático e medíocre, não jogou pelas laterais, estava completamente desarrumado em campo, e pior estava nervoso. Ate o experiente Marcos, apagou. E, uma bola que claramente deveria sair com as mãos, que por sinal são seu forte, saiu com os pés, que todos nós inclusive o próprio Marcos, sabemos que ele é o pior dos piores. Mas ele ainda tem muito credito pra gastar, e defendeu bolas dificílimas, pelo menos três, senão o vexame seria maior.

A defesa bateu cabeça em praticamente todos os lances que foi acionada. O meio campo, perdido, afobado, errando passes simples, curtos. E o tal do Manso, o cara acabou com todo o sistema defensivo do Palmeiras, jogou muito, ninguém conseguiu para o homem, e que cobrança de falta magistral, o Marcos foi bem na bola, mas aquela não tinha jeito não.

As laterais, não foram bem, Armero, alem de desleal em muitos lances, começou uma correria absolutamente sem objetivo algum. Fabinho Capixaba, se não fosse por alguns poucos lances, nem teria isto que estava jogando. No ataque, K-9 apagado novamente, já Willians foi bem, um dos melhores jogadores do Palmeiras em campo, alem de levar perigo ao gol da LDU em varias oportunidades, ainda quebrou o jejum de gols, e marcou o seu primeiro com a camisa alviverde.

Durante a noite eu estive pensando o porquê dessa derrota, de forma tão horrível, (não pelo placar, mas sim pelo futebol apresentado). A minha opinião o jovem time do Palmeiras sentiu sim o peso da Libertadores, e ainda por cima entrou com um pouco de salto alto, devido ao inicio arrasador na temporada.

Antes do inicio da partida, atraso de 15 minutos, por conta do excesso de papel atirado pela torcida equatoriana no gramado, o que precisou da intervenção dos funcionários antes do apito inicial. Bizarro

Mas a derrota tem sim seu lado positivo, afinal não foi a estréia que a nação palestrina, jogadores e comissão técnica queriam, mas o Palmeiras perdeu na hora certa, quando ainda se pode perder, mas acima de tudo essa derrota serviu para baixar um pouco o “oba oba” desse jovem time que com certeza absoluta, ainda dará imensas alegrias ao torcedor.

Agora bola pra frente, erguer a cabeça, e voltar ao paulistão, pois lá, o Palmeiras ainda esta invicto.

PS: Esse blogueiro promete aqui, não dar mais palpites sobre o placar dos jogos. 


METE NA FURQUILIA

Um comentário:

Pâm SãoPauliNa-RP disse...

Salve salve..
blog maneiro..gostei!

Parceria??
Bjão